Para você ficar por dentro de todos os detalhes desse golpe e se proteger durante as suas transações, explicamos com detalhes como ele acontece.

Dá só uma olhada:

Fase 1: Arquitetura do golpe
O Golpe do Intermediário começa com a busca pelo anúncio do carro que será envolvido no golpe. Geralmente os fraudadores procuram por veículos seminovos, com ótimas condições de uso, e de anunciantes não profissionais, já que isso aumenta suas chances de sucesso durante a ação.

Com o anúncio definido, o fraudador então passa para a negociação com a primeira vítima: o vendedor do veículo em questão. Ele inicia a conversa com uma proposta, relacionando o pagamento do automóvel a uma suposta dívida de um terceiro. Geralmente colocado como uma pessoa próxima do fraudador, como um parente, funcionário ou até mesmo um amigo. Durante esse processo, o fraudador pede ao vendedor do veículo sigilo absoluto sobre o valor negociado entre eles.

Depois de simular a negociação, o fraudador entra na etapa de clonagem do anúncio. Ele cria um anúncio semelhante ao original, porém com um preço bem abaixo da média de mercado. Então, com o anúncio falso do carro devidamente publicado, o fraudador pode ir para a negociação com a segunda vítima do golpe, o comprador. Nessa etapa, ele começa a conversar com possíveis compradores – que em breve estarão envolvidos no golpe.
 
Fase 2: Análise do veículo
É muito difícil que as pessoas comprem um carro sem vê-lo, certo? E os fraudadores sabem disso. A partir da solicitação do comprador para checar o veículo, entra em cena o próximo passo do golpe: o encontro entre as duas vítimas. O fraudador marca dia, horário e local para esse encontro acontecer. Para garantir o bom funcionamento do golpe,  ele descreve a primeira vítima (vendedor) como algum familiar ou amigo que irá mostrar o automóvel. E a segunda (comprador), como alguém que vai pagar uma dívida por meio da compra do produto. Por isso, a orientação para ambos é não conversar sobre valores durante o encontro.

Fase 3: Repasse do veículo
O golpe do intermediário se concretiza quando o comprador transfere o dinheiro para o fraudador – até então conhecido como vendedor pela vítima. Com o pagamento feito, o comprador começa a cobrar a transferência dos documentos do veículo, e aí se anuncia o golpe. O fraudador pode até mandar um comprovante falso de transferência para o vendedor vítima, mas após consultas bancárias em que o dinheiro não aparece na conta as duas partes percebem a fraude. Durante o processo de negociação, o fraudador jamais aparece fisicamente para nenhuma das vítimas, atuando apenas como intermediário desse processo. Nesse golpe, tanto o comprador quanto o vendedor são vítimas.

Fique atento para não cair nesse golpe:
1 - Prefira negociar sempre com o próprio comprador/vendedor. Evite intermediários!
2 - Desconfie de ofertas muito atrativas, se você for o comprador
3 - Vendedor, colocou preço abaixo do mercado e o comprador negociou? Desconfie.
4 - A transferência do veículo deve ser realizada em um cartório. Somente faça uma transferência do valor no momento da assinatura do documento (comprador). Somente faça a transferência do veículo com a confirmação do seu banco de que o dinheiro está na conta (vendedor).
5 - Quando receber uma transferência bancária, sempre confirme com o seu banco se o dinheiro está em sua conta.

Por mais complexo que esse golpe pareça, a sua frequência não é rara. Por isso, preparamos conteúdos exclusivos para você que está 
vendendo ou comprando um carro com algumas dicas de segurança.

Um dos golpes mais conhecidos no processo de compra e venda de automóveis é o “Golpe do Intermediário”. Esse golpe atinge vendedores e compradores de veículos e, por mais complexo que pareça, acontece com certa frequência. Ele consiste em fraudadores que se utilizam de anúncios de terceiros para negociar veículos usados ou seminovos. O objetivo do golpe é clonar anúncios reais e receber o pagamento do comprador interessado pelo veículo.

Golpe do intermediário

Home

Golpes Conhecidos

Trocar por um modelo mais novo, fazer um dinheiro extra ou mesmo porque você não precisa mais dirigir? Não importa o motivo, a hora de vender um carro usado chega pr...

Dicas para vender um carro

Perfil Verificado

Agora é possível verificar sua identidade dentro da OLX e tornar toda a negociação mais segura, evitando golpes e fraudes...

Veja também

Dicas para comprar um carro

A compra de um carro é um momento bastante aguardado na vida de muita gente. Mas junto com a animação e euforia também surgem algumas dúvidas e...

Ficou com alguma dúvida?

Fale conosco